Musicalização infantil, teatro e piano lideram ranking de cursos preferidos

Inscritos em processo seletivo de novos alunos aumentaram 65% no CDMCC

328
Curso mais procurado, para crianças de 4, 5 e 6 anos, somou 401 inscritos (foto: AI Conservatório)
Publicidade
Da redação

Musicalização infantil, teatro e piano lideram o ranking de cursos mais procurados neste ano no processo seletivo de novos alunos realizado pelo Conservatório de Tatuí.

O número de candidatos inscritos aproxima-se de 3.000 e cresceu cerca de 65% em relação à seleção realizada no ano passado no mesmo período, o que resulta também em aumento da concorrência – há cursos em que a disputa tem 28 candidatos por vaga.

No topo do ranking das habilitações mais procuradas, aparecem os cursos de musicalização infantil, oferecidos para crianças de quatro, cinco e seis anos. São 401 inscritos para um total de 92 vagas disponíveis em diferentes níveis e horários. A seleção, neste caso, será feita por sorteio, agendado para quarta-feira, 5.

Logo em seguida, aparecem os cursos de teatro (juvenil, adulto e aperfeiçoamento), que somam 335 inscritos para 80 vagas. Os candidatos serão selecionados por meio de testes, entrevistas e jogos teatrais compatíveis com o nível técnico exigido por cada modalidade.

Em terceiro lugar, aparecem os cursos de piano clássico e piano popular, que totalizam 279 inscritos na disputa por 23 vagas. Logo depois, vêm os cursos de canto lírico e canto popular, com 238 inscritos para 13 vagas.

Publicidade

Em quinto lugar, vem a musicalização para educadores, com 185 inscritos para 50 vagas. Violino, violão, guitarra, bateria e regência completam a lista dos “dez mais”.

Na relação de candidatos por vaga, os cursos da área de MPB/jazz destacam-se no ranking dos mais disputados, com seis habilitações entre as “dez mais”. Em todo o processo seletivo, o curso que apresenta maior desafio para os interessados é o de baixo elétrico MPB/jazz, com 28 candidatos/vaga. O curso de bateria MPB/jazz ocupa a terceira posição, com 25 candidatos/vaga e, na sequência, aparece saxofone MPB/jazz, com 18 candidatos/vaga.

Ainda da área de música popular, o ranking traz: guitarra (6º lugar, com 16,4 candidatos/vaga), violão (7º lugar, 15,75 candidatos/vaga) e canto popular (10º lugar, 13,75 candidatos/vaga)

Na área de música erudita, o campeão em concorrência é o curso de canto lírico, que aparece no segundo lugar entre os mais disputados, com 25,6 candidatos/vaga.

Flauta transversal fica em quinto lugar, com 17,5 candidatos/vaga. A oitava posição ficou com o curso de trompete (15 candidatos/vaga), e piano clássico aparece em seguida, com 13,82 candidatos/vaga.

Para o diretor executivo do Conservatório, Ary Araújo Júnior, a alta concorrência atesta a importância da instituição no cenário cultural. “É uma instituição com 65 anos de tradição na formação de músicos, atores e luthiers, referência no Brasil e no exterior pela excelência do ensino que é oferecido gratuitamente à população”, observou.

“Nosso empenho diário é garantir recursos para oferecer um número cada vez maior de vagas e levar essa formação profissional de qualidade a um número cada vez maior de crianças e jovens adultos”, acrescentou Araújo Júnior.

O diretor destaca que, desde que assumiu a administração da escola, em 2018, “a Abaçaí Cultura e Arte tem adotado diversas medidas para facilitar o acesso de novos alunos à instituição”. “Uma delas foi extinguir a taxa de inscrição. Hoje, para participar do processo seletivo, o candidato só precisa acessar o site e preencher a ficha de inscrição. Também mudamos alguns procedimentos desta seleção, para otimizar a participação dos candidatos”.

“Claro que existe um prazo para efetuar a inscrição e que cada curso tem seus pré-requisitos, como está descrito nos regulamentos. Mas, queremos garantir que essa oportunidade alcance proporções cada vez maiores”, assegurou.

A fase de testes, entrevistas e sorteios para os candidatos inscritos será realizada de 3 a 10 de fevereiro, conforme o calendário divulgado no site do Conservatório. Os resultados e as convocações para matrícula devem ser anunciados a partir de 10 de fevereiro.

Publicidade