Música abre a 2ª edição da Vila de Natal

340
Publicidade





Cristiano Mota

Pinheirão da praça Martinho Guedes é um dos espaços decorados que pode ser visto até o dia 6 de janeiro

 

Com repertório 100% natalino, a Banda da Associação Cultural Pro Arte abriu a 2ª edição da Vila de Natal. As 44 crianças atendidas pelo projeto liderado pelo maestro Marcelo Afonso apresentaram músicas de Natal na noite de terça-feira, 9.

O concerto marcou, também, a inauguração da iluminação do Pinheirão e a abertura da programação preparada pela Prefeitura para o fim de ano. Contou com a presença do Papai e da Mamãe Noel e do prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, e da primeira-dama Ana Paula Cury Fiuza Coelho.

Publicidade

Ao todo, a Associação Cultural Pro Arte atende a 60 crianças. Parte delas está fazendo aulas e recebendo noções musicais na turma iniciante, a chamada Banda “B”. Conforme o maestro responsável, os planos são de que, até o ano que vem, os meninos e meninas possam ingressar no grupo principal.

Os músicos mirins têm entre 7 e 14 anos de idade e são instruídas na sede provisória da associação. A Pro Arte atende na Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) “Teresinha Vieira de Camargo Barros”, no Jardim Manoel de Abreu.

Lá, os meninos e meninas fazem aulas as terças, quartas, quintas e sextas-férias, das 19h30 até às 21h. “É um trabalho contínuo com as crianças. Nós as pegamos, praticamente, analfabetas musicais. Com o método que desenvolvemos, nós possibilitamos a elas fazerem prática de conjunto e teoria”, disse.

No concerto de abertura, a banda executou músicas conhecidas do público. Entre elas, “Noite Feliz”, “Boas Festas”, “Noite Azul” e “O que é que Eu sou sem Jesus?”.

Para Afonso, o evento representa um incentivo a mais para o projeto. Ele também destacou que o maior presente para a banda é a reação do público. “Nós vivemos na ‘Capital da Música’ e temos de fazer música”, enfatizou o maestro. “A Pro Arte desenvolve todo esse trabalho para o povo de Tatuí”, adicionou.

No que depender de Isabel de Campos Camargo, a ação da entidade e a programação do município está aprovada. Moradora de Tatuí, ela acompanhou a abertura da Vila de Natal e a chegada do “bom velhinho”. “Não costumo vir todo ano, mas hoje, especialmente, está maravilhoso”, comentou.

No intervalo da apresentação, o prefeito acendeu a iluminação do Pinheirão e recebeu o casal Wilson Machado e Vera Lúcia Torres, que se veste de Papai e Mamãe Noel. Os dois também acompanharam a solenidade e, ao final dela, se dirigiram até o espaço central da praça Martinho Guedes para atender as crianças.

“Recebendo o casal no meu gabinete, há uns 30 dias, achei a história linda. Fiquei muito contente e, mais ainda, quando me falaram que receberam convites de várias cidades, mas recusaram para vir aqui”, iniciou Manu sobre a opção feita por Machadinho e Vera Lúcia em fazer trabalho voluntário em Tatuí.

O prefeito afirmou que o casal merece o carinho do povo local por “manter vivo o sonho das crianças”. “Eles tiram foto, pegam cartinha e serão a ‘grande cereja do bolo’”, disse. Manu parabenizou, ainda, o maestro da Associação Pro Arte e citou que a banda mirim está em “estágio de excelência”.

A 2a edição da Vila de Natal é considerada pelo prefeito como uma atração que “conquistou os tatuianos”. Conforme ele, a iniciativa realizada pela primeira vez em 2013 resultou em um “enorme sucesso”. “Estamos esperando a frequência de todo mundo na praça ao longo do período de Natal”, disse.

Manu destacou o número de eventos que serão realizados até o final do ano. Ele afirmou, ainda, que a Prefeitura está, cada vez mais, trabalhando para promover iniciativas que “venham a abrilhantar o Natal do município”.

Segundo o diretor do Departamento Municipal de Cultura e Desenvolvimento Turístico, Jorge Rizek, a Vila de Natal funciona até o dia 6 de janeiro. “Ela fica enfeitada até essa data. A programação termina em dezembro, mas como tradicionalmente é feito, a vila pode ser frequentada até janeiro”.

As atrações tiveram continuidade com apresentações diárias, sempre às 20h. Na quarta-feira, 10, houve participação do coral infantil da Escola Adventista e a passagem da Caravana Coca-Cola de Natal. Essa última, trouxe novidades. Além do Papai Noel e do Urso Polar, a caravana agregou outros dois personagens que percorreram a cidade: o biscoito de Natal e a Mamãe Noel.

Colaboradores que auxiliam na passeata também se caracterizaram de soldadinhos de chumbo. A intenção era proporcionar mais interatividade e proximidade com o público.

O roteiro da caravana incluiu a rua Prefeito Manoel Luís da Silva Sá, rua 11 de Agosto, avenida Antonio Ferreira Albuquerque, ruas 15 de Novembro, São Bento, avenida Sales Gomes, ruas Chiquinha Rodrigues, Princesa Leopoldina, 7 de setembro, avenidas São Carlos e Coronel Firmo Vieira de Camargo.

O retorno se deu pela 11 de Agosto, com passagens pelas ruas Coronel Guilherme, Prudente de Moraes, José Bonifácio, praça Paulo Setubal, Maneco Pereira, rua do Cruzeiro, Capitão Lisboa e avenida Vice-prefeito Pompeo Reali.

Na quinta-feira, 11, a Praça da Matriz recebeu o especial “Vozes de Natal”, realizado pela Prefeitura em parceria com emissora de televisão. Na sexta-feira, 12, a atração agendada é do Coro e Orquestra de Cordas da Escola de Música Center Cortez. A apresentação aconteceria após o fechamento desta edição (19h).

Neste sábado, 13, será a vez do grupo Seresteiros com Ternura. No domingo, 14, a atração será o coral do Projeto Guri de Sorocaba. Já na segunda-feira, 15, o coral Espaço Feliz, do Lar Donato Flores dá sequência à programação.

A terça-feira, 16, terá participação do coral do projeto Melhor Idade, do Fundo Social de Solidariedade. Na quarta-feira, 17, será a vez do coral da Igreja Batista, Estrela de Davi. Dia 18, a atração será a Comunidade Recado.

O programa segue no dia 19, com Ministério de Louvor Estação Primavera, da Igreja Presbiteriana. No dia 20, será a vez do grupo de louvor da Igreja Comunidade da Graça. No dia 22, o coral jovem da Igreja Adventista encerra as atrações.

“É uma festa que reúne a família”, destacou o prefeito a respeito da programação. Manu afirmou que a presença do Papai e da Mamãe Noel na Vila de Natal representa uma oportunidade única para muitas crianças do município.

“Tatuí não tem um shopping center, ainda, mas enquanto isso, estamos fazendo esse evento para proporcionar as crianças a sensação da magia do Natal”, disse.

Além de manter “vivo o espírito natalino”, Manu ressaltou que a Prefeitura contribui para aquecer o comércio. De acordo com ele, a programação leva pessoas aos espaços públicos, colaborando para que o aumento da circulação de potenciais consumidores nas lojas situadas, em especial, no centro.

“Temos uma expectativa de que em dezembro o comércio consiga ampliar seu caixa. É um mês no qual se trabalha mais, mas se ganha mais”, argumentou.


Publicidade