Mais de 350 pessoas são abordadas em ‘Operação Saturação’ no centro

Ação integrada entre a PM e a GCM resulta em cinco prisões em flagrante

2840
Fiscalização contou com 12 equipes da CGM, sendo oito carros e quatro motos, mais 10 guarnições da PM (foto: GCM)
Publicidade

Mais de 350 pessoas foram abordadas na noite de sexta-feira, 9, no centro, em ação integrada da Polícia Militar e da Guarda Civil Municipal. A “Operação Saturação” resultou na prisão de cinco pessoas.

Dois homens acusados de roubo, dois suspeitos de tráfico de drogas foram detidos (reportagens nesta edição). Além disso, o autônomo Marco Wilian Rosa Teixeira, 26, foi preso no bairro Tanquinho.

Uma equipe da PM suspeitou do homem durante o patrulhamento e, na abordagem, acabou descobrindo, em pesquisa aos sistemas de segurança, que o jovem era procurado pela Justiça.

De acordo com o comandante da GCM, Fábio Luciano Leme, a área de abrangência foi limitada para uma fiscalização intensiva e atingiu, principalmente, as praças do centro da cidade.

“Tínhamos várias reclamações, inclusive de moradores da área central, que relatavam muita algazarra, bagunça, som alto, uso de drogas e de adolescentes, que estavam ‘abusando da liberdade’ nas praças da cidade”, afirmou Leme.

Publicidade

Conforme a GCM, a fiscalização contou com 12 equipes da GCM, sendo oito carros e quatro motos, mais dez guarnições da PM (sete viaturas e três motos), movimentando mais de 40 profissionais de segurança pública.

Os agentes fiscalizaram oito estabelecimentos comerciais, sendo que, em um deles, foi constatado que não havia alvará de funcionamento, e as devidas providências foram tomadas junto ao Departamento de Fiscalização da Prefeitura.

O diretor da Segurança Pública, Francisco Carlos Severino, afirmou, em nota à imprensa, que a operação foi realizada com sucesso.

“Alcançamos o nosso objetivo de trazer a sensação de segurança na área central da cidade e coibir a perturbação do sossego público. Continuaremos com essas operações no município, especialmente agora, nas festas de final de ano”, destacou.

O comandante da GCM também ressaltou que o resultado final foi positivo. “Acredito que esta operação trouxe bastante paz aos usuários das praças. Foi uma operação bem tranquila, não tivemos nenhum problema de maior gravidade e aumentou, com certeza, a sensação de segurança nestes espaços públicos”, avaliou.

Publicidade