Live ‘Festa em Casa’ auxilia profissionais de eventos

Shows arrecadam cestas básicas a quem não pode trabalhar

279
A banda Live by Night (foto: Du Arantes)
Publicidade
Da reportagem

Técnicos de som e iluminação, seguranças, garçons e auxiliares de cozinha e de limpeza são alguns dos profissionais obrigados a parar de trabalhar durante o período de pandemia.

Em função disso, surgiu o projeto de lives “Festa em Casa”, com o intuito de auxiliar esses trabalhadores que perderam renda, além de proporcionar momentos de festa às pessoas que permanecem em casas durante a quarentena.

Administrado pelo produtor de eventos Jorge Rizek, junto ao Centro Hípico de Tatuí, à Cervejaria Comendador e à Resolution Eventos, o projeto tem promoção do jornal O Progresso e é transmite shows de artistas locais no YouTube para receber doações e repassá-las, por meio de cestas básicas, aos profissionais de eventos.

“Não é o dono da empresa, são os freelancers que atuam em shows, eventos e festas, profissionais que não têm espaço para trabalhar neste período”, indicou Rizek.

“A nossa área foi a primeira a parar, em março, e, certamente, será a última a voltar. É um período muito extenso”, acentua o produtor de eventos.

Publicidade

Conforme Rizek, com exceção de profissionais que atuam em eventos para complementar renda, “há pessoas que dependem exclusivamente da área e que, neste momento, estão sem saída”. “Os bares fecharam e as festas acabaram. Muitos profissionais tinham uma renda através dos eventos e queremos colaborar com eles”, destacou.

Rizek informa que a intenção é que as cestas básicas contribuam com os custos mensais dos profissionais. Desta forma, o dinheiro que o beneficiário pelo projeto gastaria para comprar produtos alimentícios poderia ser destinado a aluguel ou contas de água e energia elétrica, por exemplo.

Para isso, o grupo de administradores passou a fazer inscrições de pessoas que necessitam de auxílio. As empresas que normalmente contratam os profissionais terceirizados também enviam os nomes deles para o cadastramento.

De acordo com Rizek, o projeto segue recebendo inscrições através do e-mail: jorgerizekeventos@gmail.com. Até a manhã de quinta-feira, 22, cerca de 70 profissionais da área de eventos já estavam cadastrados.

“Os eventos deverão retornar de forma progressiva, quando houver um relaxamento das atuais medidas de prevenção ao coronavírus. Acredito que isso tudo ainda deva demorar. Sendo assim, precisamos colaborar com a economia destas pessoas, afinal, muitos deles têm famílias e filhos”, reconhece o produtor.

Durante as transmissões das lives, um “QR Code” fica exposto na tela para que se possa realizar doações. Através do leitor de código, as contribuições são enviadas diretamente a um supermercado que, posteriormente, as reverte em cestas básicas. Os atendidos pelo projeto podem retirar as doações no Centro Hípico.

A live “Festa em Casa” transmitiu dois shows, sendo que as cestas básicas conquistadas com as doações da primeira live já foram entregues. Segundo Rizek, foi possível atender a todos os profissionais que estavam inscritos no projeto.

“Alcançamos o objetivo na primeira live, pois as pessoas ficaram bastante contentes de receberem a colaboração. Ainda aguardamos o resultado da segunda para fazermos uma avaliação dela e continuamos solicitando doações à terceira live, que será feita da mesma forma”, reforçou.

Festa em casa

De acordo com Rizek, a “Festa em Casa” possui o objetivo de “manter vivo o cenário de festas de Tatuí”. “Nós promovemos uma festa para que as pessoas possam festejar na casa, celebrando com os familiares”, frisa.

“A proposta é de festejar o fim de semana na casa, por isso, é um clima de festa. Não é um clima de banquinho e um violão, com todos sentados. Queremos proporcionar um clima para as pessoas dançarem”, completa.

Acostumado a promover diversos eventos no Centro Hípico de Tatuí, Rizek conversou com os representantes do empreendimento, com a intenção de realizar as lives no local, e o pedido foi aceito.

“É um local no qual, normalmente, tenho um calendário de festas para promover. Achei um lugar ideal para desenvolver essa proposta. É um espaço rústico, permitindo várias possibilidades de cenários, inclusive, ao ar livre, ideal para se fazer as lives durante a pandemia”, complementa.

Na sequência, o produtor propôs o projeto à Resolution Eventos, uma empresa de som, luz e imagem, e à Cervejaria Comendador, por meio do cervejeiro Luciano Vieira Ribeiro, conhecido como “Dito”, os quais tornaram-se parceiros da “Festa em Casa”.

A empresa KF.Com foi contratada para fazer as transmissões pela internet e o grupo ainda buscou patrocinadores, além de contar com diversos apoiadores, para possibilitar que a live fosse “ao ar”.

Para os shows, Rizek contatou líderes de bandas de diferentes gêneros musicais, como rock, sertanejo, samba e pagode, que costumam se apresentar no município e na região.

A primeira live foi promovida no dia 8 deste mês, uma sexta-feira, com a Live By Nigth, e uma semana depois, dia 15, com o Grupo Zuaê. As duas transmissões aconteceram no período noturno.

Após a segunda live, os administradores do projeto decidiram começar a realizá-las a cada 15 dias. Desta forma, a próxima live será no sábado, 30, às 16h, com a dupla sertaneja Rodrigo e Ruan, e posteriormente, no dia 12 de junho, uma sexta-feira, haverá um baile de Dia dos Namorados, com a banda Sexta Dimensão.

“Cada live fazemos em um estilo de festa. A primeira foi uma de rock e a segunda, em estilo de boteco, com pagode e samba. A próxima será com uma proposta mais rural, trabalhando com churrasco em uma das pistas do Centro Hípico”, informa.

“Queremos oferecer todas as propostas de festas e de música para levar alegria às pessoas que estão em quarentena. O projeto é bastante extenso com outras propostas e novas lives previstas”, finalizou Rizek.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome