‘Live’ de Rick e Renner compensa a não realização da Festa da Caridade

Show em prol ao ‘Lar São Vicente’ teve mais de 1 milhão de visualizações

3500
A ação em prol à entidade tatuiana foi a segunda live da dupla Rick e Renner durante a quarentena (Foto: Du Arantes)
Publicidade
Da reportagem

A “live” em prol ao Lar São Vicente de Paulo, realizada pela dupla Rick e Renner, na tarde de sábado, 23, deve compensar a não realização da tradicional Festa da Caridade. Apesar de não divulgar os números oficiais, a diretoria do asilo está otimista com o sucesso obtido pela iniciativa solidária.

Conforme adiantado pelo presidente da entidade, Miguel Nunes Júnior, a expectativa era de que a live realmente pudesse compensar a ausência da Festa da Caridade, que aconteceria no dia 11 de junho, feriado de Corpus Christi.

O evento, promovido em todos os anos, reúne cerca de 20 mil visitantes e é a terceira maior fonte de renda da entidade, que atende, atualmente, cerca de 70 internos, entre homens e mulheres.

Devido ao feriado estadual da Revolução Constitucionalista de 1932, celebrado em 9 de julho, porém adiantado pelo governador João Doria para esta segunda-feira, 25, a equipe administrativa da entidade ainda estava contabilizado as arrecadações recebidas através da ação solidária.

Nunes informa que o asilo deve receber doações em dinheiro e em litros de álcool em gel, além de variados produtos alimentícios.

Publicidade

De acordo com o tesoureiro da entidade, Rafael Rodrigues Ferreira, eles estão aguardando a confirmação e o recebimento de todas as doações prometidas para conseguirem contabilizar o resultado da live.

Durante a transmissão do show da dupla sertaneja, um “QR Code” esteve disponível na tela e, através do leitor de códigos, as pessoas foram direcionadas à página para utilizar um cartão ou gerar um boleto bancário.

Conforme Ferreira, muitas doações pelo QR Code foram geradas por boleto e, por conta disso, é necessário aguardar a confirmação dos pagamentos para somá-los às outras doações recebidas pelo Lar São Vicente de Paulo.

No entanto, para o tesoureiro, a ação solidária deve ter atingido o principal objetivo. “A princípio, entre os produtos e arrecadações prometidas, é possível afirmar que a live foi um sucesso total e que ajudará suprir as necessidades do ‘Lar’ até a festa do ano que vem”, afirmou Ferreira.

Ainda houve possibilidade de empresários contribuírem com a instituição tatuiana, a partir de R$ 5.000, para divulgar a marca para todo o país, por meio da live.

Segundo Ferreira, o asilo teve 23 patrocinadores diretos, totalizando R$ 115 mil, além de empresas que estavam sendo divulgadas através da dupla sertaneja.

Apesar de ainda não haver um número exato do quanto foi arrecadado, Nunes reforça que “a iniciativa de empresários em prol ao Lar São Vicente de Paulo foi maravilhosa e deve provocar um efeito semelhante ao o da realização da Festa da Caridade”.

Conforme o presidente, os produtos arrecadados devem permitir uma economia de recursos que podem ser destinados ao pagamento de funcionários.

“Atualmente, o nosso maior custo é a folha salarial. É uma parte muito importante do asilo, pois não adianta termos alimentos e não termos quem os prepare”, exemplificou.

Para Nunes, “a live foi um presente e deve dar um suporte financeiro favorável ao asilo”. Porém, ele reconhece que gostaria de promover a tradicional Festa da Caridade. “A festa me parece insubstituível. Fará falta a confraternização que costumávamos realizar”, aponta.

“Não sei se conseguiremos fazer uma festa ainda neste ano ou somente em 2021. Contudo, acredito que a live nos deu um alívio financeiro muito grande e que vai ajudar o Lar”, completou o presidente.

A ação em prol à entidade tatuiana foi a segunda live da dupla Rick e Renner durante a quarentena e superou a marca de um milhão de visualizações, atingindo o oitavo lugar nos “vídeos em alta” do YouTube.

O show foi transmitido ao vivo pelo canal da dupla sertaneja na plataforma online. Intitulada “Rick & Renner – At Home 2 ‘The Best’ – Ao Vivo”, a live recebeu, ao todo, 1.094.252 visualizações, em 4 horas, 41 minutos e 37 segundos de transmissão.

A reportagem de O Progresso recebeu as imagens da dupla sertaneja clicadas pelo fotógrafo Du Arantes. O profissional realizou a cobertura fotográfica da live de forma beneficente ao Lar São Vicente de Paulo.

Publicidade