Leitores crêem que o CDMCC é fundamental ao município

383
Publicidade

O resultado da enquete promovida pelo jornal O Progresso em seu portal de notícias (www.oprogressodetatui.com.br) mostrou que pouco mais de três quartos dos leitores acreditam que o Conservatório tem importância fundamental em Tatuí, reconhecida como Capital da Música.

Essa foi a indicação de 78% dos que participaram da pesquisa; 16% entendem que o Conservatório não possui nenhuma importância no município; enquanto outros 5% opinaram que a relevância da instituição em Tatuí é moderada.

Aberta no sábado passado, 6, e mantida até a sexta-feira, 12, a pesquisa apresentou o Conservatório como foco. O contingenciamento de recursos anunciado pelo governo estadual na área de cultura está levando a escola a buscar alternativas para reduzir gastos sem afetar a qualidade de ensino da instituição.

O CDMCC, pertencente à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, atende a mais de 2.000 alunos.

Nesta semana, a pesquisa aborda o recadastramento biométrico dos eleitores. Neste sábado, 13, o cartório eleitoral de Tatuí funciona em regime de plantão, com o objetivo de estimular o comparecimento do eleitor e aumentar o número de cadastros no sistema biométrico.

Publicidade

Na 140ª Zona Eleitoral, que inclui Capela do Alto, Guareí, Porangaba, Tatuí e Torre de Pedra, até o dia 20 de março, os cinco municípios somavam 26,6% dos eleitores com biometrias cadastradas (reportagem nesta edição).

Com este novo assunto, a enquete pergunta: “Você já realizou o recadastramento biométrico obrigatório aos eleitores?”.

A pergunta pode ser respondida, com as opções “sim” e “não”, até a sexta-feira, 19, às 16h30, com publicação do resultado na edição do dia 20.

Publicidade