Homem de 59 anos é achado em estado de decomposição no rio Tatuí

1019
Publicidade

Um forneiro de 59 anos foi encontrado morto no rio Tatuí, na tarde de domingo, 13. Nelson Ferreira, morador do Jardim Rosa Garcia 1, estava desaparecido desde a noite de segunda-feira, 7, quando havia saído para pescar. O caso foi registrado como “morte suspeita” no plantão policial.

Segundo a Polícia Civil, o corpo foi encontrado em estado de decomposição. Exames preliminares de peritos do IC (Instituto de Criminalística) constataram não haver sinais de violência.

Não há informações se Ferreira morreu em decorrência de afogamento ou de mal súbito, de acordo com o delegado Emanuel dos Santos Françani.

Laudo necroscópico do IML (Instituto Médico Legal) de Itapetininga deve ser liberado na próxima semana. Famílias informaram, a policiais civis, que a vítima fazia uso de medicamentos controlados.

O desaparecimento do forneiro foi registrado no plantão policial na tarde de terça-feira, 8. A esposa dele contou que Ferreira havia saído com apetrechos de pesca, garrafas de café e água, na noite de segunda-feira, dizendo que pescaria sob a ponte da rua Teófilo de Andrade Gama, entre o Rosa Garcia e o Jardim Santa Rita.

Publicidade

Na manhã de terça-feira, após tentar ligar diversas vezes para o telefone de Ferreira, a esposa resolveu ir até o local. Entretanto, encontrou somente uma sacola, na qual estava guardado um lampião.

A filha dele relatou, à Polícia Civil, que o pai portava um celular, cartão bancário e documentos pessoais quando saíra de casa. Os objetos não foram encontrados com o corpo, cujo reconhecimento foi realizado já à margem do rio Tatuí.

Publicidade