Grupo começa inscrições para mostra teatral neste domingo

Matrículas devem ser realizadas através de perfil no Instagram

33
Projeto de grupo contemplado pela Lei Aldir Blanc promete dez espetáculos inéditos (Foto: Divulgação)
Publicidade
Da redação

Em processo de desenvolvimento, o Grupo Experimental 3o Sinal promete a apresentação de até dez espetáculos inéditos no Centro de Artes e Esportes Unificados “Fotógrafo Victor Hugo da Costa Pires”, o CEU das Artes, no fim de março.

Para tanto, a partir deste domingo, 10, o agrupamento inicia as inscrições de espetáculos para a primeira edição da “Mosteque (Mostra de Teatro Quebre a Perna)”. As matrículas devem ser feitas pelo perfil do grupo no Instagram “@ter.sinal”, disponível pelo link: https://www.instagram.com/ter.sinal/.

As inscrições permanecerão disponíveis até o dia 31 de janeiro, um domingo. O resultado dos espetáculos selecionados está programado para o dia 17 de fevereiro, um sábado, enquanto as apresentações estão previstas para o final de março, entre os dias 21 e 27, domingo e sábado.

Segundo o diretor do agrupamento, César Santos, 27 de março foi escolhido por ser a data na qual comemora-se o Dia Internacional do Teatro.

“É preciso divulgar e fixar essa data na cabeça da população, de forma que gere um interesse mútuo pela cultura. É um processo árduo, mas estamos no caminho”, declarou.

Publicidade

De acordo com os membros, o grupo tatuiano foi fundado há seis anos, tendo realizado, há dois anos, a primeira montagem, com o espetáculo “A Ver Estrelas”. Devido à pandemia, no ano passado, o agrupamento promoveu aulas online e encontros a distância, através de plataformas de vídeo.

O grupo foi contemplado pela Lei Federal 14.017/2020, a “Lei Aldir Blanc”, a qual disponibilizou uma verba emergencial para criação e desenvolvimento de projetos culturais, sendo repassada pelo decreto municipal 20.657.

Conforme o agrupamento, “os integrantes promoveram reunião na qual decidiram criar uma mostra de teatro para que aconteça um movimento teatral ainda maior e movimente o turismo local”.

De acordo com a curadoria do evento, “a mostra tem por base difundir e compartilhar conhecimentos e formas diferentes de fazer teatro, conhecendo e trocando experiências com outros grupos sobre formação, processo de criação e resistência dos grupos de teatro nos municípios do interior”.

“Desta forma, ainda pretende utilizar-se do evento para divulgar a cidade de Tatuí como MIT (município de interesse turístico)”, acrescenta a curadoria.

Inicialmente, o desejo é que o projeto seja executado de forma presencial. O grupo informa que a mostra poderá ser prorrogada até o final de maio, caso haja aumento no número de casos da Covid-19.

Neste caso, o agrupamento estuda a hipótese de realizar toda a programação de forma online em meados de junho, para poder concluir o projeto.

Além dos dez espetáculos inscritos em caráter competitivo, a programação contará com a apresentação de abertura de um dos espetáculos da Trupe Garagem & Cia. de Teatro e encerrará a programação com a estreia do novo espetáculo do Grupo Experimental 3o Sinal, ainda em processo.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome