GCM, Caixa e Banco de Sangue iniciam a ação “Sangue Azul”

    192
    Campanha tem participação de doadores da Guarda Civil Municipal (foto: AI Prefeitura)
    Publicidade
    Siltec

    A Guarda Civil Municipal, pertencente à Secretaria Municipal de Segurança Pública e Mobilidade Urbana, juntamente com o Banco de Sangue “Fortunato Minghini”, da Santa Casa de Misericórdia, em parceria com a Caixa Econômica Federal, iniciou, nesta terça-feira, 5, a campanha “Sangue Azul – Salvando Vidas”.

    O objetivo é cadastrar os profissionais da GCM que ainda não são doadores de sangue, incentivar aqueles que já têm o hábito de doar e fazer com que essas pessoas divulguem a importância dessa ação para familiares e amigos.

    A campanha está no primeiro ano e o nome “Sangue Azul” faz referência a uma outra campanha, a “Novembro Azul”, que tem o objetivo de conscientizar os homens sobre a importância de se realizar exames periodicamente para prevenir o câncer de próstata.

    A campanha de doação de sangue acontece todas as terças-feiras e quintas-feiras deste mês, das 7h às 9h, no Banco de Sangue, e os interessados devem fazer agendamento com antecedência, seja no Banco de Sangue ou na sede da GCM.

    A assessoria de comunicação da prefeitura ressalta ser importante que a campanha também abre espaço para a doação de sangue da população em geral.

    Publicidade
    Siltec

    Basta que os interessados se cadastrem no Banco de Sangue, de segunda-feira a sexta-feira, entre 7h e 16h, tendo em mãos o cartão SUS, RG e comprovante de endereço, para que, posteriormente, seja marcada a data da doação de sangue.

    O sangue coletado é encaminhado para o Hemocentro de Botucatu, onde é feito fracionamento (separação do plasma e do concentrado de hemácias) e, depois, distribuído para as cidades atendidas pela entidade.

    Parte dessas bolsas de sangue também retorna para o Banco de Sangue de Tatuí e é destinada para atender a Santa Casa, a Unimed e o Pronto-Socorro Municipal.

    Nesta terça-feira, 5, a campanha contou com a participação de seis doadores, sendo quatro guardas civis municipais e dois familiares.

    O primeiro doador foi o GCM Victor Fernando Coelho, que ainda levou o pai, Luiz Fernando Coelho, para que também pudesse doar sangue.

    A expectativa é de que, até o fim da campanha, pelo menos 60 pessoas compareçam para realizar a doação de sangue. Esse número foi baseado na quantidade de pessoas que já estão inscritas, porém, pode ser ainda maior se a população optar por participar da campanha.

    O Banco de Sangue “Fortunato Minghini”, da Santa Casa, está situado na rua Cônego Demétrio, ao lado da maternidade. Mais informações pelo telefone: (15) 3205-1333.

    Quem pode doar

    Pode doar sangue toda pessoa que estiver em boas condições de saúde; ter mais de 50 quilos; que tenha entre 18 e 69 anos, sendo que, para a primeira doação, a idade máxima é de 60 anos, e aos 16 e 17 anos, a doação será autorizada somente com a presença do responsável legal, portando documento com foto de ambos; não estar em jejum, e sim bem alimentado; estar bem descansado; e apresentar documento com foto original sempre que for doar e ao retirar a carteirinha de doador.

    Publicidade
    Siltec

    DEIXE UMA RESPOSTA

    entre com sua mensagem
    entre com seu nome