Despedida do Rei

1737
(arquivo Cláudio Aldecir)
Publicidade

No fechar das cortinas, era a penúltima partida de Pelé com a camisa do Santos.

Essa formação de 29 de setembro de 1974, foi a despedida dele no Pacaembú, e por ironia do destino, saiu derrotado, 1 a 0, frente o Corinthians, com gol de Rivelino.

Treinador Tim escalou Cejas, Wilson Campos, Oberdã, Léo Oliveira, Marinho Pérez e Zé Carlos. Claudio Adão, Brecha, Adilson, Pelé e Edu.

No jogo seguinte, dia 2 de outubro, contra a Ponte Preta, venceu por 2 tentos a zero, foi a sua despedida oficial, aos 20 minutos do primeiro tempo, eram 21 horas e 29 minutos. Vila Belmiro em lágrimas.

Recordações do futebol.

Publicidade

NOTA: As fotos são do arquivo pessoal do autor, que data de 50 anos. Ele, como colecionador e historiador do futebol, mantém um acervo não somente de fotos, mas de figurinhas, álbuns, revistas, recortes e dados importantes e registros inéditos e curiosos do futebol, sem nenhuma relação como os sites que proliferam sobre o assunto na rede de computadores da atualidade

Publicidade