Coop amplia doações a bancos de alimentos e à ação ‘Mesa Brasil’

221
Luciana Benteo (Foto: Divulgação)
Publicidade

Em seus 66 anos de existência, a Coop – Cooperativa de Consumo sempre exercitou o sétimo princípio cooperativista – o interesse pela comunidade – onde possui unidades de negócios.

“E neste momento atual de pandemia, o verbo compartilhar está cada vez mais forte e presente. E o resultado são as doações crescentes para os bancos de alimentos mantidos pelas prefeituras em algumas cidades, e o Mesa Brasil, coordenado pelo Sesc – Serviço Social do Comércio”, segundo informado pela assessoria de comunicação da Coop.

Os dois programas foram desenvolvidos visando ao combate à fome e ao desperdício. Os produtos destinados são aqueles que se encontram fora dos padrões de comercialização, mas que ainda são adequados para o consumo.

As organizações parceiras coletam, transportam e distribuem os produtos para instituições que atendem crianças, jovens e adultos em situação de carência alimentar.

Desde 2016, a Coop já encaminhou mais de 2,233 mil toneladas de alimentos para os dois programas, e, para se ter ideia, no primeiro semestre deste ano, foram doadas cerca de 374,9 toneladas, contra 341,3 no mesmo período de 2019. Grande parte da doação é composta de frutas, legumes e verduras.

Publicidade

Luciana Benteo, coordenadora das ações de responsabilidade social da Coop, explica que o volume de alimentos doados se refere a gêneros em perfeitas condições de consumo.

“Se não fosse a parceria com os programas, os alimentos seriam descartados, afetando a alimentação de milhares de pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social”, ela acentua.

Publicidade