CDMCC abre inscrição para a 6ª Semana de Performance Histórica

452
Ensemble de Performance Histórica (foto: AI Conservatório)
Publicidade
Da redação

Estão abertas as inscrições para a 6ª Semana de Performance Histórica do Conservatório de Tatuí, que será realizada entre os dias 30 de novembro e 3 de dezembro. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até a próxima sexta-feira, 27, pelo site da instituição.

O evento é coordenado pelo professor Marcus Held e reunirá músicos e professores consagrados no Brasil e no exterior pelo estudo e divulgação de obras, compositores e instrumentos musicais dos séculos passados.

A programação inclui master classes, palestras, workshops e audições, que poderão ser acompanhadas virtualmente. Interessados devem acessar o site da instituição para realizar a inscrição.

A programação começa no dia 30 de novembro, às 10h, com master class de violino e viola barrocos, ministrada pelo professor convidado Rodolfo Richter, “aclamado pela imprensa internacional como um dos violinistas barrocos mais inspiradores de sua geração”.

A assessoria de comunicação da escola de música ressalta que o violinista britânico/brasileiro “tem sólida carreira dedicada, especialmente, à música de câmara”.

Publicidade

Richter é líder de diversos grupos, como Palladian Ensemble, Florilegium, Steinitz Bach Players e Theatre of the Ayre, “e apresenta-se nas mais prestigiadas salas de concerto do mundo”.

No mesmo dia, às 14h, Richter apresenta a live “O Violino Histórico no Século XXI”, que será transmitida nas principais páginas oficiais do Conservatório de Tatuí.

Na terça-feira, 1º de dezembro, às 10h, a convidada Jennifer Morshes ministrará master class de violoncelo barroco, viola da gamba e violone. A assessoria aponta que a violoncelista é“aclamada” por tocar com “inteligência e pathos” e“desfruta de uma versátil carreira internacional”.

Inclinada especialmente à performance histórica, é a violoncelista principal do Ensemble Florilegium desde o ano 2000, com o qual se apresentou ao redor do mundo e gravou inúmeros discos premiados para o selo Channel Classics Records.

Jennifer também é codiretora artística do Sarasa Ensemble, em Cambridge, Massachusetts, reconhecido pelo alcance nos centros de jovens detentos da região metropolitana de Boston.

É membrofundadora do Richter Ensemble e membro de longa data da Orchestra of the Age of Enlightenment, Les Siècles e da Orchestre des Champs-Élysées, entre outras.

À tarde, às 14h, ex-alunos dos cursos de performance histórica do Conservatório de Tatuí participam do bate-papo “O Futuro da Música do Passado”, que será transmitido ao vivo pela instituição.

Na quarta-feira, 2 de dezembro, às 10h, a programação traz a master class de flauta doce com o professor convidado Alfredo Zaine, mestre em música pela Escola Superior de Música e Artes de Stuttgart (Alemanha), onde recebeu o Prêmio DAAD como aluno internacional de maior destaque dentro da instituição.

Ele integrou o Ensemble Studio Alte Musik e foi tutor-assistente do Ensemble de Flautas doces da instituição. Atualmente, atua como professor substituto no Instituto de Artes da Universidade Estadual Paulista (Unesp) e como pesquisador em nível de doutorado, além de administrar a plataforma “lab.flauta”, com vídeos e matérias sobre o instrumento.

No mesmo dia, às 14h, será realizada a live “O Conservatório e a Live no Brasil”, com as convidadas Beatriz Pavan e Cristiane Carvalho.

Beatriz é professora do Instituto Federal de Goiás, pós-doutora na Escola de Música e Artes Cênicas – UFG, colaboradora no Laboratório de Performance e Cognição Musical – LPCM/UFG e professora no Centro Cultural Gustav Ritter, entre outros.

Cristiane é mestre em performance musical, pela Universidade Federal de Goiás, bacharela em “Música – Instrumento Antigo”, pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp).

Ex-professora do Conservatório de Tatuí, atualmente atua como docente auxiliar na Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás.

Na quinta-feira, 3 de dezembro, às 10h, será realizada a master class de cravo e fortepiano, com Peter Sykes, considerado um dos intérpretes tecladistas mais destacados e versáteis da atualidade.

“Sua performance tem sido frequentemente caracterizada como convincente e comovente, magnífica e reveladora e ousada, imaginativa e surpreendentemente precisa”, destaca o Conservatório.

Sykes é professor associado de música e diretor do Departamento de Performance Histórica da Boston University, atua também como diretor musical da First Church de Cambridge, é membro julgador de competições consagradas, membro do Conselho da Cambridge Early Music Society, membro fundador e atual presidente da Boston Clavichord Society.

Às 14h, será transmitida a live “Passos do Barroco”, com os bailarinos Clara Couto, Maíra Alves, Raquel Aranha e Osny Fonseca, que falarão sobre a dança no período barroco. Todos os dias, às 18h, também serão realizadas audições com alunos e participantes do evento.

Publicidade