Camilo Alcântara apresenta-se em recital de tuba no ‘V-Lobos’

187
Publicidade
Fabio Villa Nova
Antuerpia

 

O tubista Camilo Alcântara, aluno do Conservatório de Tatuí, fará recital de conclusão de curso de aperfeiçoamento em tuba neste sábado, 26. O recital tem entrada franca e acontece às 19h no Salão Villa-Lobos, na rua São Bento, 415.

A apresentação tem orientação do professor Luciano Vaz e coordenação do professor João José Xavier da Silva, orientador da área de sopros-metais da instituição.

O pianista Juliano Kerber acompanha o aluno ao piano e o Quinteto Tubass faz participação especial. O quinteto é integrado por, além do próprio formando, Alessandro Ramos, Daniel Satler, Ricardo Souza e Thaís Nascimento. Todos os músicos que participam do grupo são alunos do Conservatório de Tatuí.

No programa, Alcântara apresentará obras de Sergei Rachmaninnoff (“Vocalise Op.14 Nº 34”), Thomas Stevens (“Variations in Olden Style”) e Edward Gregson (“Tuba Concerto, em três movimentos”).

Publicidade
Fabio Villa Nova
Antuerpia

Com a participação do Quinteto Tubass serão duas obras: “Adiós Nonino”, de Astor Piazzola, e “Smoke on the Water”, de Ian Gillan, Richard Blackmore, Ian Paice e Roger Glover.

Nascido e crescido na região da grande São Paulo, Camilo teve seu primeiro contato com a música em 2002, na Fanfarra Municipal de Jandira. Passou por várias corporações até chegar à Banda Municipal de Sorocaba, sob orientação do maestro Fernando Rabelo.

A partir de então, iniciou estudos no Conservatório de Tatuí, no qual se formou sob orientação do professor Luciano Vaz Vieira em 2011. Posteriormente, ingressou na Faculdade Mozarteum de São Paulo, sob orientação do professor Luís Popó Serralheiro.

Participou como bolsista atuante nos seguintes festivais: 5o, 6o e 7o Curso de Férias Coreto Paulista em Tatuí e 12o Festival Música nas Montanhas em Poços de Caldas.

Também esteve no Curso de Férias FFABESP e Faculdade Cantareira, Curso de Férias da corporação Lyra de Mauá e Curso de Apoio às Bandas – Pró Bandas.

O tubista participou do 2o, 3o, 4o e 5o Encontro Internacional de Metais, tendo professores renomados, como: Luciano Vaz Vieira, Albert Savino Kathar, Marcos dos Anjos, Rubens de Araújo Mattos, James Gourlay, Andrew Hitz, Francisco José Yañes Garrido, Gregory Fritze e Gian Marco de Aquino.

Foi integrante do quadro de músicos da Banda Sinfônica do Estado de São Paulo de janeiro de 2014 a maio de 2015, tendo nesse período participado das gravações do CD “Maxixe Urbano”, em comemoração ao Jubileu de prata da BSESP.

Já atuou profissionalmente em grandes grupos, tendo destaque a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí, na qual ficou por mais de quatro anos, além de apresentar-se como músico convidado junto à Orquestra Sinfônica de Santo André, à Orquestra Filarmônica Vera Cruz e à Orquestra Sinfônica da Unicamp (Universidade de Campinas).

Atuou como convidado também junto à orquestra da Musikschulle de Sttutgart. Paralelamente ao trabalho em grupos sinfônicos, desenvolve projetos camerísticos com o Quinteto TuBass.

Em 2011, foi participante da primeira edição do programa “Pré-Estreia”, da TV Cultura, na modalidade música de câmara, sendo integrante do Sexteto Itapuita.

Como músico, já atuou sob a regência de maestros, como: José Antônio Pereira, Dario Sotelo Calvo, Marcelo Jardim, Carlos Moreno, Marcos Sadao Shirakawa, Francisco Ferreira (Portugal), Edson Beltrami e Matthew George (Estados Unidos).

Também tocou sob batuta dos maestros Rafael Sanz-Espert (Espanha), Alberto Roque (Portugal), Mark Withlock, Mallory Thompson, Shawn Smith e Franck Batiste, Felix Hauswirth (Suíça) e Lazlo Marosi (Hungria).

 

Publicidade
Antuerpia
Fabio Villa Nova