Basquete local se inspira na NBA em volta

Time segue exemplos de tradicional liga e reproduz ‘bolha’ para retornar aos treinos

214
Julio Malfi, treinador da equipe tatuiana passou por testagem antes de retornar aos treinamentos (Foto: Divulgação)
Publicidade
Da redação

Visando a disputa da “Final Four” da Copa São Paulo Adulta Masculina – 2020, no último final de semana deste mês, o XI de Agosto/AABT/Tatuí retomou, na tarde de segunda-feira, 31 de agosto, os treinamentos presenciais.

Seguindo exemplo da NBA (National Basketball Association, a liga norte-americana de basquete) e da Liga ACB (Asociación de Clubes de Baloncesto, a liga espanhola de basquete), a equipe profissional criou uma “bolha” para preservar a integridade física dos atletas, comissão técnica e outros integrantes, diante do novo coronavírus.

Para possibilitar o retorno aos treinos e jogos, a NBA isolou os jogadores dentro de uma bolha no Walt Disney World Resort, em Orlando, na Flórida (EUA).

Cerca de 370 jogadores, de 22 equipes que disputam a liga norte-americana, estão distribuídos em três hotéis do complexo de resorts da Disney.

Paralisada desde março, devido à pandemia, os jogos restantes da temporada 2019-2020 da NBA foram retomados, em três ginásios, no dia 30 de julho, com previsão de encerramento no dia 13 de outubro. Contando o período de treinos antes do retorno das partidas, os atletas dos times finalistas poderão ficar confinados por quase cem dias.

Publicidade

De acordo com o assistente do time profissional e técnico das equipes de base de Tatuí, Filipe Ariel, o Crânio, os protocolos implantados nas duas principais ligas da modalidade, para evitar o contágio da Covid-19, tiveram de ser readequados à realidade da equipe profissional tatuiana.

“Pensamos muito na segurança dos integrantes do time, sobre como poderíamos fazer algo seguro. Adotamos os modelos que foram usados no mundo e tentamos trazer o máximo possível, adaptados à nossa realidade pós-pandemia”, afirmou Crânio.

O profissional informa que cerca de 15 pessoas, entre comissão técnica, equipe de suporte e alguns atletas, testaram para coronavírus. Conforme ele, seguindo as normas sanitárias, essas 15 pessoas estão alojadas e treinando no Complexo Esportivo Municipal “Major Magalhães Padilha”.

“Nesse local, estão apenas as pessoas que foram testadas e receberam resultado negativo para o coronavírus. Lá, a higienização é constante, sendo feita por uma competente e preparada equipe de limpeza”, garantiu.

“Nós ainda adaptamos os treinos de academia e também os trabalhos técnico e tático em quadra, que fica separada apenas por um portão”, complementou o assistente do time profissional.

Ainda conforme Crânio, os integrantes do XI de Agosto/AABT/Tatuí isolados na bolha têm de seguir protocolos de segurança ainda mais rigorosos.

Entre estes: isolamento social, mantendo-se, no máximo, o deslocamento dos atletas somente do complexo esportivo às residências deles; uso constante de máscaras de proteção e álcool em gel; e aferição de temperatura, ao menos, três vezes por dia.

Julio Malfi, técnico da equipe, enalteceu “a união de todos os envolvidos com o basquete em Tatuí, que possibilitou esta iniciativa inédita no estado”. “Trata-se de um ambiente semelhante ao elaborado pelas ligas espanhola e norte-americana, pois, dentro da nossa realidade, foi estudado como manter a segurança de todos os envolvidos nesse retorno das atividades físicas e do esporte de competição no município”, declarou.

Ele reforça que os protocolos da Secretaria de Esportes do Estado de São Paulo, baseados no Centro de Estudos da Covid-19, foram importantes, e garante que estão sendo seguidos para que todos tenham oportunidade de retornar às atividades.

“Trata-se de um passo importante para que as competições adultas voltem. Isso pode parecer pouco, mas é muita coisa para uma equipe que ainda não completou um ano na categoria adulta, já que na base é uma referência na região, com mais de 12 anos de atividades”, ressaltou Malfi.

“A iniciativa não seria possível sem o empenho do poder público municipal e dos patrocinadores locais, que apoiam a equipe profissional. Acredito que, neste momento de pandemia, eles devem retornar gradualmente a nos apoiar nas competições que virão pela frente”, completou o técnico.

Com pouco mais de seis meses de atraso, a estreia do XI de Agosto/AABT/Tatuí na temporada 2020 acontecerá no final deste mês, no Ginásio Municipal de Esportes “Doutor Gualberto Moreira”, em Sorocaba.

A equipe tatuiana participará da primeira partida da Final Four da Copa São Paulo, dia 26 de setembro, às 15h, diante da Basquete/Unifae/São João da Boa Vista. Às 17h, a anfitriã LSB/Flex/PMS realizará a segunda semifinal, contra o Conti Cola/Assis Basket.

Os times vencedores dos confrontos disputarão a final da Copa São Paulo no dia seguinte, às 13h. Duas horas antes, às 11h, as duas equipes derrotadas no dia anterior se enfrentarão na disputa pelo terceiro lugar.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome