A caminho do penta

354
Publicidade





Aí está o Grêmio bicampeão gaucho de 1957, era o caminho para o penta, já que ganharia também em 1958/59 e 1960, não dando chance ao maior rival, o Internacional.

Dessa equipe, destacamos o zagueiro Raul Calvet, que já chamava a atenção pelo vistoso futebol. Iria fazer parte do esquadrão do Santos F.C. na década seguinte. Figueiró e Airton também defenderam a equipe santista tempos depois.

A maior curiosidade, porém, desta foto, é a presença do atacante Gessy, grande craque da história gremista, que, em 1963, jogaria na Portuguesa de Desportos, na mesma época em que o lateral Lever, ou seja, duas marcas famosas de sabonetes daqueles tempos. Por isso, alguns torcedores mais gaiatos diziam que a Lusa era lisa, igual sabonete.

Outra curiosidade é que Gessy teve um flerte com a então desconhecida Elis Regina, conforme o livro “Nada Será Como Antes”, de Julio Maria, sobre a carreira da cantora.

Publicidade

Em pé: Sérgio, Figueiró, Enio, Rodrigues, Calvet, Airton e Nelci. Agachados: Hercílio, Gessy, Juarez, Milton e Vieira. Ótima equipe, bons momentos e fatos curiosos.

NOTA: As fotos são do arquivo pessoal do autor, que data de 50 anos. Ele, como colecionador e historiador do futebol, mantém um acervo não somente de fotos, mas de figurinhas, álbuns, revistas, recortes e dados importantes e registros inéditos e curiosos do futebol, sem nenhuma relação como os sites que proliferam sobre o assunto na rede de computadores da atualidade


Publicidade