11º Salãozinho de Humor encerra inscrições de trabalhos nesta segunda

147
Publicidade
Fabio Villa Nova
Antuerpia





Divulgação

Trabalhos exposto no metrô de São Paulo são organizados pelo Centro de Estudos de Piracicaba

Estudantes com idades entre 7 e 14 anos têm até segunda-feira, 12, para enviar desenhos ao 11º Salãozinho de Humor de Piracicaba. O regulamento está disponível no site www.salaodehumor.piracicaba.sp.gov.br.

O “Salãozinho” segue os moldes do Salão Internacional de Humor de Piracicaba, que celebra 40 anos em 2013.

Os desenhos passam por comissão de seleção e premiação, que avalia qualidade, linguagem e técnicas utilizadas. Os três primeiros colocados recebem prêmios divididos em duas faixas etárias: 7 a 10 anos e 11 a 14 anos.

Publicidade
Fabio Villa Nova
Antuerpia

Cada estudante pode enviar até duas obras nas categorias charge, caricatura, cartum ou tiras/história em quadrinhos. São aceitos desenhos com qualquer técnica e tema livre.

“Surpreendemo-nos cada vez mais com a imaginação e a capacidade crítica dos trabalhos”, comentou Eduardo Grosso, diretor do CEDHU (Centro Nacional de Documentação, Pesquisa, e Divulgação do Humor Gráfico), de Piracicaba.

O esporte foi o tema predominante nas caricaturas enviadas ao Salãozinho em 2012, com trabalhos sobre os jogadores Neymar e Ronaldinho Gaúcho.

A presidente Dilma e o deputado Tiririca também ganharam “divertidas versões”, assim como os personagens da Turma da Mônica e Chaves.

Assuntos como meio ambiente e redes sociais foram abordados em charges e tiras também no ano passado. Naquele ano, o Salãozinho recebeu 3.400 inscrições de 58 escolas. A exposição dos trabalhos concorrentes contou com 255 desenhos.

Maior mostra

Além do Salãozinho de Humor, o Centro Nacional de Humor Gráfico promove o Salão Internacional de Humor. Neste ano, o evento tem a maior mostra de trabalhos de todas as edições. A abertura oficial será no dia 24 deste mês.

As visitas vão até o dia 20 de outubro, no Engenho Central, à avenida Maurice Allain, 454, em Piracicaba. No total, 442 obras estarão em exposição.

Com recorde de inscrições, o 40º salão recebeu 4.180 trabalhos enviados por 966 artistas gráficos de 64 países. Um total de R$ 47 mil em prêmios será concedido aos primeiros colocados nas categorias caricaturas, charges, cartuns e tiras/quadrinhos, além das obras com os temas futebol e Unimed Saúde.

Em clima de expectativa para os 40 anos do Salão de Humor, duas exposições têm abertura neste mês. A primeira delas, na Esalq (Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”), em Piracicaba, e a segunda em São Paulo, na estação Corinthians-Itaquera do metrô.

Alimentação é o tema dos 32 cartuns que compõem a mostra “Humor sobre a Mesa”, com visitação desde o dia 9, no Museu e Centro de Ciências, Educação e Artes “Luiz de Queiroz”, no campus piracicabano da USP (Universidade de São Paulo).

A exposição tem desenhos selecionados para o Salão de Humor de 2011, quando os artistas foram convidados a produzir obras para a categoria alimentação.

Entre os temas abordados nos cartuns, estão o desperdício de alimentos, os transtornos alimentares, o aumento da população de obesos pelo mundo e assuntos como “fast food” e “slow food”.
Artistas de diversas nacionalidades assinam as obras, como o cubano Aristides Esteban Hernandez Guerrero (Ares), os espanhóis Anne Derenne e David Vela e os brasileiros Bruno Aziz, Elihu Ribeiro Duayer Filho e Samuca.

No metrô, a mostra “Caricaturas do Salão Internacional de Humor” tem reabertura neste sábado, 10. A exposição, que já passou pela estação Clínicas, tem 28 obras do acervo do CEDHU – a maioria de brasileiros consagrados que tiveram seu talento reconhecido no tradicional evento das artes gráficas.

Organizada em parceria com a Companhia de Transportes Metropolitanos de São Paulo, a exposição reúne caricaturas de personalidades como Gilberto Gil, Oscar Niemeyer, Raul Cortez, Papa Bento 16, Tim Maia, Chico Buarque, Hugo Chávez, Dercy Gonçalves, Zé do Caixão, Maguila e Frida Kahlo.


Publicidade
Antuerpia
Fabio Villa Nova