Lions Clube incentiva doação de sangue e programa atividades

483
Troca do “martelo” do Lions, entre ex-presidente e Camargo (Foto: Fernando Foster)
Publicidade
Da redação

O Lions Clube de Tatuí iniciou o novo “ano leonístico”, que corresponde ao período 2020/2021, quando os dirigentes são renovados. A transmissão de cargos e a posse dos novos membros aconteceram na segunda-feira, 29, através de ambiente virtual, pelas redes sociais.

O novo presidente é o jornalista Christian Pereira de Camargo, que, na posse virtual, falou a respeito do clube de serviço, que no próximo mês de setembro irá comemorar 65 anos de fundação.

“O Lions Clube de Tatuí é uma referência no leonismo do Brasil, não só em atividades realizadas, mas é também o maior clube em número de associados do Distrito LC-2 e um dos maiores do país, com 86 associados”, comentou Camargo.

O novo presidente informou que existe um calendário já montado para o ano de mandato, que inclui diversas atividades, mas que, neste mês de julho, ele teve de ser adaptado em razão da pandemia de Covid-19.

“Criamos um calendário alternativo para julho, sem deixar as atividades do voluntariado de lado, mas também pensando na segurança do associado e nas regras sanitárias do momento”, observou.

Publicidade

Neste dia 2, o Lions Clube lançou a campanha “Julho é Vida”, de incentivo à doação de sangue. O cadastro do Banco de Sangue de Tatuí “Fortunato Minghini”, que é uma atividade permanente do Lions, gira em torno de 1.800 pessoas, e a ação quer ampliar esse cadastro e atingir, neste mês, 2.000 cadastrados.

Segundo o presidente, no inverno, o número de coletas cai cerca de 30%. “Por isso, a campanha é necessária para incentivar as doações”, disse ele.

O Banco de Sangue faz coletas às terças e quintas, com horário agendado. Por semana, são cerca de 50 coletas realizadas, sendo beneficiados pacientes de hospitais de Tatuí e da Faculdade de Medicina da Unesp, em Botucatu.

No início da campanha, dia 2, estiveram presentes, além do presidente, os associados Maria Fernanda Fiuza Viotto, Mário Celestino Peixoto (presidente da Comissão de Banco de Sangue do Lions Clube) e Silvia Mateus dos Santos.

Outro evento programado para julho é o almoço solidário “Parmegiana do Leão”, dia 19, domingo, a partir das 12h, na sede do clube. Serão servidas marmitas, para duas pessoas, no sistema drive-thru. O ingresso terá o valor de R$ 30 e o evento será em prol à Apae.

O novo presidente ainda comentou sobre a tramitação na Fundação de Lions (LCIF) do Projeto Parto Humanizado, para a compra de equipamentos do centro de obstetrícia da Santa Casa, onde são realizados os partos.

Segundo Camargo, a ideia é comprar novos equipamentos e ajudar na reforma do local. Ele lembrou que o LCIF, recentemente, colaborou com recursos para o Hospital GPaci, de Sorocaba, e com a compra de novos equipamentos para o Banco de Sangue.

O presidente ainda falou do AL 2020-2021, em que o Lions Clube de Tatuí comemorará 65 anos de fundação; o Clube de Mães “Vera Peixoto”, que irá comemorar 50 anos; e o Banco de Cadeiras de Rodas, que irá comemorar dez anos, assim como o LEO Clube.

Para finalizar, Camargo apontou: “A tudo isso, soma-se que a companheira do Lions Clube de Tatuí Aparecida Maria Millen de Miranda assumiu a direção do Distrito LC-2 e o companheiro Victor Lisboa, também do LC local, assumirá a direção do Distrito LC-2 de LEO Clube”.

“Será um ano de atividades e de muito trabalho, com projetos e ações para atender à comunidade, mesmo em tempo de pandemia”, concluiu.

Publicidade