DME recebe matrículas para equipes de base de basquete

Adolescentes de 11 a 14 anos podem se inscrever sem custos

91
Da redação

Os adolescentes, nascidos entre 2007 e 2010, amantes do basquete, podem se matricular para as equipes de base da modalidade no município. A prefeitura, por meio da Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude, recebe as inscrições gratuitamente.

Meninos e meninas interessados devem comparecer no Ginásio Poliesportivo “Pedro Paulo Silva (Paulo Vagalume)”, do CIE (Centro de Iniciação ao Esporte) “José Edson Leal Leite (Éde)”, apresentando RG (carteira de identidade) e comprovante de endereço.

De acordo com o auxiliar técnico da equipe profissional de basquete e um dos treinadores das seleções de base tatuianas, Filipe Ariel, o Crânio, o período de inscrições é por tempo indeterminado, porém, haverá uma lista de espera com 30 vagas.

Devido à pandemia, os jovens atletas das equipes de base retornaram aos treinamentos no fim do mês de setembro. Os treinos continuam até a próxima quarta-feira, 23, e, após uma pausa para as festividades de fim de ano, retornam a partir do dia 5 de janeiro.

Conforme o profissional, desde a retomada, todas as atividades seguem as “normas rígidas” para a prevenção de eventuais contágios da Covid-19, conforme orientação dos órgãos de saúde.

Em 2020, a expectativa era de que as equipes de base representassem o município na Liga Desportiva Paulista, Jogos da Juventude, Jogos Regionais e, eventualmente, nos Jogos Abertos. Entretanto, por conta do período pandêmico, os jovens atletas não participaram de nenhum evento.

Na última competição disputada, em novembro do ano passado, o município, representada pelo XI de Agosto/AABT/Tatuí, concluiu a participação nos “play-offs” (jogos decisivos) da Liga Desportiva Paulista chegando às finais de todas as categorias de base.

Com quatro equipes na disputa, o saldo tatuiano foi positivo ao conquistar um título e três vice-campeonatos. O município foi campeão na categoria sub-17 e alcançou o vice-campeonato nas sub-13, sub-15 e sub-20.

Entretanto, para Crânio, “a principal conquista é o alcance social que o basquete vem proporcionando para diversas crianças e jovens, além da interação com a equipe profissional adulta”.

“Essa interação é importante, pois eles são o espelho de conduta para as crianças. Está visível para os jovens que o sonho esportivo é real e acontece em Tatuí”, destacou.

O CIE atende ao público de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 17h, na rua Professor Eulálio de Arruda Mello, 121, ao lado da Escola Estadual “Fernando Guedes de Moraes”, no Jardim Lucila.