Ajudante pego com maconha alega vender por dificuldade





Na noite de domingo, 19, guardas civis municipais detiveram um ajudante geral de 24 anos por tráfico de drogas. O flagrante ocorreu às 19h21 na rua Osvaldo Oliveira da Porciúncula, no Jardim Europa, sendo registrado às 20h47 do mesmo dia.

De acordo com boletim de ocorrência, Maycon Weliton Cordeiro disse à equipe que iniciou as vendas por conta de dificuldades financeiras. Com o suspeito, os GCMs encontraram duas porções de maconha e R$ 99 em notas e moedas. O entorpecente e o dinheiro estavam num dos bolsos da bermuda dele.

A equipe chegou até o acusado a partir de denúncia anônima recebida pelo COD (Centro de Operações e Despacho). A informação era de que uma pessoa, que usava camisa na cor roxa e com um número 10 escrito nas costas, estava vendendo drogas na região. No local indicado, os guardas abordaram o ajudante. Ele tinha as mesmas características repassadas à corporação.

Segundo os guardas, Cordeiro confessou que vendia drogas no local. Ele também teria dito que escondia mais entorpecentes dentro da residência. No imóvel, a equipe encontrou 24 porções de maconha em um armário que estava na garagem. Em cima de uma geladeira, localizaram uma carteira com R$ 250.

Ainda em conversa com os guardas, o suspeito teria informado os preços de comercialização das drogas. De acordo com a GCM, ele vendia porções que variavam entre R$ 10 (de menor tamanho) e R$ 30 (em quantidade maior).

Na sequência, os GCMs encaminharam o suspeito para a Central de Flagrantes da Polícia Civil. Após o registro da ocorrência, ele permaneceu detido.