Longevidade

0
73
Publicidade
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Poucas vezes, certamente, as comemorações de aniversário de Tatuí carregaram tanta expectativa e – por que não reconhecer? – esperança. Expectativa pela conclusão do que pode ser entendido como uma primeira etapa de reconstrução da cidade, especialmente envolvendo a reabertura da ponte do Marapé e a finalização da do Junqueira, tal como os reparos nas vias públicas, permitindo-lhes voltarem a ser transitadas sem solavancos.

Esperança, porque, obviamente, o município como um todo – e a população em particular – tem sido prejudicado com tanta dificuldade de mobilidade (claro, com drama ainda maior para a região do Morro Grande). A reconstrução da cidade, portanto, também representa necessária e efetiva reação contra a crise econômica que atinge o país e, claro, não poupa Tatuí.

Além disso, a Cidade Ternura – agora Município de Interesse Turístico – antes mesmo de pensar em ações concretas de exploração do novo status, obrigatoriamente, tem de apresentar não apenas uma “entrada” digna, mas de bom gosto, atrativa.

Por tudo isso, os festejos de 191 anos de fundação do município são tão significativos. E, para marcar a data, o jornal O Progresso (que completou 95 anos de fundação em 30 de julho) mantém tradição de décadas, apresentando o suplemento de mensagens alusivas à data, porém, figurado com reportagens verdadeiramente especiais.

Essa renovação nos especiais já remonta há 22 anos, quando o jornal passou a incorporar outros conteúdos aos especiais, marcados por reportagens de caráter histórico, sempre com o propósito de resgatar e valorizar as peculiaridades, as raízes do município e seus aspectos mais relevantes da atualidade.

Em 2017, o foco das reportagens é a terceira idade. Precisamente, tudo o que se relaciona à velhice em Tatuí, desde os abrigos até as opções de lazer, passando, claro, pelos cuidados com a saúde e a mente.

Naturalmente, tem relevância neste especial o Lar São Vicente de Paulo. A entidade com 112 anos é uma das primeiras – senão a primeira – voltada ao trabalho com o idoso. Surgiu em uma época em que o conceito de atendimento e da rede de assistência nem existiam.

Publicidade

Também figura a pauta o projeto Envelhecer com Qualidade de Vida, mantido pelo Fusstat (Fundo Social de Solidariedade de Tatuí). A iniciativa existe desde 2005 e, praticamente de maneira unânime, tem o reconhecimento de sucesso por toda a comunidade – idosa ou não.

Outra entidade observada é o Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), que também cuida de situação de abandono, negligência e monitora 25 idosos em situação de vulnerabilidade.

Outros vários temas estão presentes neste especial, embora todos com o maior objetivo de chamar ainda mais a atenção para as necessidades dos idosos e para a nova realidade vivenciada por eles e, por conseguinte, pela própria comunidade, marcada pelo aumento da longevidade.

Soma-se a este especial outra publicação que, da mesma forma, tornou-se tradição nesta época: o tabloide com todos os trabalhos vencedores dos concursos literários Paulo Setúbal.

A edição desse tabloide, para O Progresso, tem sido de grande satisfação, realmente. Isto porque os certames são parte integrante e maior destaque da Semana Paulo Setúbal, cuja origem partiu, justamente, deste jornal, no ano de 1943, com o objetivo de homenagearmos o maior escritor tatuiano.

Neste final de semana, portanto, os assinantes recebem mais uma edição histórica do tabloide literário, contendo os premiados no “Concurso Paulo Setúbal – Literatura e Artes Visuais, destinado a estudantes da cidade, e no “Prêmio Contos, Crônicas e Poesias”, de âmbito nacional e aberto a qualquer interessado.

A todos, ótima leitura! E que estas letras e histórias (de superação, preferivelmente) perpetuem-se por muitos e muitos outros momentos de comemoração!

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome