Espetáculo de dança ‘IN-SANO’ retratará violência e referências

Apresentações serão no CEU das Artes e nos dias 3 e 4 de fevereiro

0
2035
Espetáculo de companhia de danças urbanas ST DNC terá entrada franca (foto: divulgação)
Publicidade
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O teatro do CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados) “Fotógrafo Victor Hugo da Costa Pires” receberá, no primeiro final de semana de fevereiro, o espetáculo performático de dança “IN-SANO”. A apresentação está agendada para os dias 3 e 4, um sábado e um domingo, respectivamente, às 19h.

Trata-se do terceiro trabalho da companhia de danças urbanas ST DNC. O espetáculo tem, aproximadamente, 40 minutos de duração e classificação indicativa de 12 anos de idade.

De acordo com o diretor artístico da companhia e responsável pela dramaturgia, Mat Kaytan, IN-SANO é um “hospício clandestino e sombrio”. No local, um médico psicopata mantém sete pessoas como prisioneiros, maltratando e abusando dos mesmos de forma física e psíquica.

Entretanto, o diretor ressalta que cada pessoa detida possui um “pecado/fragilidade”. E eles demonstrarão, para o público, a história de vida em performance de dança. A trajetória individual é recontada até a chegada ao manicômio.

“O público será a testemunha da tentativa de libertação dos pacientes do cativeiro e estará interligado ao espetáculo de maneira interativa”, ressaltou o diretor.

De acordo com ele, menores de 12 anos e pessoas com fobias devem estar cientes de que não poderão assistir ao espetáculo, uma vez que ele retratará a violência por meio do enredo e carrega “referências censuradas no dia a dia”.

Por meio de nota enviada pela Prefeitura, Kaytan acrescentou que, o objetivo central da companhia é retratar essas referências de maneira artística e performática.

Publicidade

O espetáculo de dança tem como bailarinos e atores: Amanda Letícia, Júlia Ferraz, Juliano Gabriel, Marcelo Ferraz, Mat Kaytan, Thais Leme, Victor Oliveira e Wellington Vieira. A sonoplastia é assinada por Wellington Rodrigues.

A iluminação estará a cargo de Kaique Cabral, com maquiagem sendo feita por Julia Ferraz e Mat Kaytan, também responsável pela concepção de figurino e cenário. Atuam como contrarregras Cesar Santos e Josué Laranjeira.

O grupo recebe apoio da Garagem & Cia, Apodet (Associação de Portadores de Deficiência de Tatuí) e da Prefeitura, por meio do CEU das Artes.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome