DMMU instala “bolsão” para motocicletas na 11 de Agosto

Órgão espera que novidade vai prevenir acidentes na via

0
759
Dispositivo fica entre faixa de pedestres e linha de retenção de carros
Publicidade
Shop-jantar
Damásio nivel medio
Bendita Filo
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O DMMU (Departamento Municipal de Mobilidade Urbana) implantou, na quarta-feira, 10, bolsão para motos na esquina da ruas 11 de Agosto com a rua Coronel Aureliano de Camargo, no centro.

O bolsão para motos e bicicletas fica entre a faixa de pedestre e a linha de retenção para automóveis.

A novidade tende a reduzir a “tensão” entre motociclistas e motoristas de automóveis nas largadas do semáforo, além de permitir que os pedestres tenham maior visibilidade ao atravessarem a rua, de acordo com o diretor do DMMU, Yustrich Azevedo Silva.

“Quando falamos em educação de trânsito, sempre citamos a rivalidade existente entre os condutores de diferentes tipos de veículos e os pedestres, cada um disputando espaço. Com o recuo destinado aos motociclistas e ciclistas, acreditamos que deve melhorar as largadas quando o sinal fica verde”, argumentou.

Segundo o diretor, o bolsão para motos segue tendência internacional e já foi implantado em cidades como São Paulo e Madri.

Ele também inibe o avanço às faixas de pedestres por parte dos motociclistas. Silva salientou que a medida é em caráter experimental, mas poderá ser implantada em outros cruzamentos com semáforos.

Conforme dados do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), dos 79.001 mil veículos que circulam em Tatuí, 26.158 são motocicletas, ciclomotores e motonetas. Dos 18 óbitos ocorridos na cidade em 2016, quatro foram em motociclistas.

Publicidade
EleService institucional
Coplaspel

“Não temos estatísticas fechadas com a quantidade de acidentes envolvendo motocicletas, porém, sabemos que foi grande, devido ao alto uso desse tipo de veículo e à falta de cuidados que alguns condutores têm no trânsito”, declarou.

O diretor informou que, no início da semana, realizou testes no semáforo no cruzamento das ruas 11 de Agosto com a Benedito Faustino da Rosa e a travessa Romeu Pichi.

O local dispõe de pequena rotatória e tem intenso tráfego de veículos nos horários de pico. Com a atual programação do semáforo, uma extensa fila de automóveis forma-se na rua 11 de Agosto, causando lentidão.

Segundo Silva, o semáforo foi desligado e alguns pontos da via, fechados com cones. Durante o teste, os técnicos constataram que o tráfego na rua 11, que é mais intenso, ficou mais fluído. A experiência poderá gerar alterações permanentes na via.

Conversão suspensa

O diretor do DMMU afirmou que suspendeu a mudança de direção da rua Nilzo Vanni, na vila São Paulo, que seria realizada no dia 24 de abril.

A via é importante ponto de ligação entre a avenida Virgílio de Montezzo Filho, no bairro Nova Tatuí, e o centro da cidade, e seria transformada em mão dupla pelo órgão.

“Realizaremos novos estudos e voltaremos a conversar com a comunidade. Alguns moradores disseram-nos que a via foi convertida em mão única, pois ocorriam muitos acidentes”, contou.

A mudança foi aventada pelo órgão responsável pela mobilidade urbana após ter sido constatado que o fluxo de veículos em direção ao fórum e à vila São Paulo é maior que para o centro da cidade.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Publicidade
Eletrofer
Alessandra Bonilha, dra