Covid-19 cai pela metade durante semana

Município registra 150 novos casos; 139 a menos em comparação ao período anterior

719
Publicidade
Siltec
Da reportagem

Quinze dias depois de voltar à fase laranja do Plano São Paulo de retomada da economia e permitir a reabertura do comércio em geral, o município registrou queda no número de contaminações pelo novo coronavírus.

Entre o sábado passado, 25 de julho, e esta sexta-feira, 31, por meio de exames laboratoriais, a cidade identificou 150 novos pacientes com Covid-19.

A queda no índice de infectados recentes representa redução de 48% em relação ao registrado na pior semana de contágio desde o inicio da pandemia, de 18 e 24 de julho, quando foram notificados 289 casos positivos.

Segundo dados divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde, este é maior percentual de redução de contágio ocorrido desde o inicio da pandemia e a primeira queda depois do reforço das testagens – iniciada no dia 13 de julho.

Já a taxa de letalidade da Covid-19 teve aumento no mesmo período. Ainda segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde, o número passou de 34 para 37 mortes pela doença – o que representa crescimento de 8,82%.

Publicidade
Siltec

Dois óbitos confirmados nesta semana são de homens. O primeiro foi divulgado na manhã de domingo, 26 de julho, de um paciente de 65 anos; o segundo foi registrado na segunda-feira, 27 de julho, de um paciente de 73 anos.

Outra morte confirmada por coronavírus é de uma mulher. A VE divulgou na quinta-feira, 30 de julho, que uma paciente de 74 anos falecera pela doença. Os três pacientes estavam na unidade de terapia intensiva da Santa Casa de Misericórdia.

O número de mortes representa 3,21% do total de casos confirmados da doença, englobando 20 homens (15 acima dos 60 anos e cinco entre 39 e 59 anos) e 17 mulheres (14 na faixa dos 60 anos e três entre 39 de 59 anos).

A média de diagnósticos em sete dias foi de 21,4 infectados a cada 24 horas. Somente nos últimos três dias, a cidade recebeu 529 novas notificações, das quais 73 foram confirmadas (13,79%).

Até terça-feira, 28 (data de fechamento da edição anterior de O Progresso), a cidade somava 4.724 notificações por Covid-19, sendo 242 casos suspeitos aguardando resultado dos testes, 3.401 descartados e 1.081 positivos, com 36 óbitos pela doença.

Já na tarde de sexta-feira, 31, conforme o boletim epidemiológico mais recente, divulgado por volta das 11h, o município somava 5.253 notificações, sendo 90 casos suspeitos aguardando resultado dos testes (1,71%), 4.009 descartados (76,32%) e 1.154 positivos (21,97%), com 37 óbitos (3,21%).

Dos casos confirmados, 1.069 pacientes (equivalentes a 92,6%) estavam recuperados, 37 morreram e 48 seguiam em tratamento: nove em hospitais e 39 em isolamento domiciliar. Entre os casos suspeitos, 90 estavam em tratamento: quatro em hospitais e 86 em casa.

O relatório ainda informa que a ocupação de leitos clínicos de internados por Covid-19 ou suspeitos na Santa Casa era de 4,5% e o índice de ocupação da UTI com tratamento de suspeitos ou confirmados, de 90%.

Estavam internados, na Santa Casa, dez pacientes, sendo nove na UTI (sete positivos e dois suspeitos), com quadros que inspiravam cuidados, e um com suspeita da doença no isolamento, aguardando resultado de teste.

No hospital particular, estavam internados três pacientes, sendo um confirmado com a doença na UTI, com quadro que inspirava cuidados, e dois no isolamento (um positivo e um suspeito, aguardando resultado dos testes).

Gripário

Na segunda-feira, 27, a Santa Casa abriu um “gripário” para o atendimento reservado a pessoas com sintomas de Covid-19 e, desde então, centralizou o atendimento para detecção e tratamento da doença.

A secretária da Saúde, Tirza Luiza de Melo Meira Martins, informou que um dos objetivos do novo espaço é “prestar atendimento mais rápido e mais eficiente” aos pacientes que apresentam sintomas do novo coronavírus.

O equipamento da Secretaria de Saúde funciona de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 17h, disponibilizando uma equipe exclusiva de profissionais para atender quem apresenta tosse, febre, coriza, diarreia, vômito, dor de cabeça ou outros sintomas relacionados à Covid-19.

Conforme dados divulgados pela VE, somente no primeiro dia, o gripário atendeu 203 pacientes, dos quais 139 realizaram testes para a Covid-19 e 112 com sintomas passaram por consulta médica.

Segundo a prefeita Maria José Vieira de Camargo, o espaço faz parte de uma nova fase de planejamento do Comitê Municipal de Prevenção e Enfrentamento à Covid-19 para contribuir com a redução na taxa de infecção e aumentar a recuperação dos pacientes contaminados.

Publicidade
Siltec

DEIXE UMA RESPOSTA

entre com sua mensagem
entre com seu nome