‘O Progresso’ lança a 2ª edição de especial focado em crianças

    Suplementado veiculado no final de semana busca orientar pais

    317
    Aeroclube de Tatuí, um dos assuntos abordados no caderno especial (foto: Cristiano Mota)
    Publicidade
    EleService institucional
    Alessandra Bonilha, dra
    Liderança Ferramentas
    CVC

    De brincadeiras antigas ao teatro, da importância da vacinação ao voluntariado, e da violência infantil à descoberta de um mundo novo por meio da aviação. A segunda edição do especial sobre crianças, produzido pelo jornal O Progresso, traz “tudo isso e mais um pouco”.

    Lançado no ano passado, suplemento, batizado de “O Progresso da Criança”, é composto por várias reportagens. Todas elas produzidas com a colaboração de especialistas em diversas áreas, abordando temas relacionados ao crescimento, aprendizado e desenvolvimento das crianças.

    Os dados que compõem as reportagens têm como fontes profissionais como o pediatra Jorge Sidnei Rodrigues da Costa e a médica legista e sexóloga criminal de São Paulo Mariana da Silva Ferreira.

    Ele desmistifica a aplicação das vacinas encontradas em postos de saúde e clínicas, mirando na proteção e na erradicação de doenças. Ela apresenta dados sobre violência infantil, como preveni-la e como funciona a rede de proteção à criança.

    As reportagens seguem com colaboração das professoras Maria de Lourdes Camargo de Proença, a Lurdinha, e Maria Elisa Machado de Almeida. Elas são responsáveis pelo Projeto Brincar e Cantar é Só Começar, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação.

    Publicidade
    EleService institucional
    Alessandra Bonilha, dra
    CVC
    Liderança Ferramentas

    O mote da ação é resgatar brincadeiras antigas, ou “offline” – aquelas que dispensam o uso de dispositivos eletrônicos e “desligam” as crianças da rede mundial.

    Mesmo propósito do Grupo Asas Contação de História e Recreação, formado por Adriana Afonso Oliveira, Tiago Augusto Marcus, Tamires Carvalho Ramos e Jessé Jackson de Souza Ramos. Eles desenvolvem atividades despretensiosas, gratuitas e em ruas e praças públicas.

    Brincadeiras também estão presentes no “Pensando na Criança”, tema de outra reportagem. A ação retomada pelo Conservatório de Tatuí tem coordenação de Fernanda Mendes.

    O projeto é realizado em parceria com a Prefeitura e atende a 120 crianças de três escolas de ensino fundamental. Além de formar novo público, as atividades de teatro revelam novos talentos.

    A segunda edição traz, ainda, reportagem sobre outra união. Em 2019, o Aeroclube de Tatuí receberá alunos da rede municipal para visita guiada. Voltada a crianças, a iniciativa consiste em apresentar e demonstrar o funcionamento do espaço aos meninos e meninas.

    Pais que estão preocupados com o uso das novas tecnologias e a segurança na internet encontram informações pela psicóloga infantil Marinara Aparecida Quevedo. Ela destaca que os responsáveis devem acompanhar de perto os filhos e impor limites.

    Dúvidas também são esclarecidas a quem busca saber mais sobre as mudanças na legislação – em especial, no reconhecimento de filhos. O processo é realizado em Tatuí gratuitamente, em cartório, e fica pronto em dois dias, nos casos em que o desejo é espontâneo.

    Neste ano, o especial ressalta, ainda, outro projeto cujo enfoque são as crianças. Trata-se do “boneco de meia”, do Fusstat (Fundo Social de Solidariedade de Tatuí).

    A iniciativa, idealizada por Graça Lima e implantada na gestão de Sônia Maria Ribeiro da Silva, transforma peças de vestuário em brinquedos que, em 2018, alegraram 600 crianças.

    Juntas, as reportagens servem como norte para pais e responsáveis que buscam informação de qualidade. A produção do material, pelo jornalista Cristiano Mota, contou com colaboração da Diléa Silva e Eduardo Domingues, responsáveis pelas entrevistas.

    O especial chega aos leitores no final de semana, como encarte do jornal O Progresso. Ele dá sequência à meta do bissemanário de apresentar novos projetos a cada dois meses.

    Publicidade
    EleService institucional
    Alessandra Bonilha, dra
    CVC
    Liderança Ferramentas