Júnior Vaz e Fanganiello asseguram ‘sentimento de vitória’ nas eleições

    Candidatos à Assembleia, vereadores encerraram campanha satisfeitos

    649
    Júnior Vaz conversa com populares no último domingo (foto: Eduardo Domingues)
    Publicidade
    Liderança Ferramentas
    CVC
    EleService institucional
    Coplaspel
    Alessandra Bonilha, dra
    Sta Tereza institucional

    Dois dos candidatos tatuianos ao cargo de deputado estadual, os vereadores Luís Donizetti Vaz Júnior e Rodolfo Hessel Fanganiello declararam que saíram vitoriosos das eleições gerais de domingo, 7.

    Apesar de não terem sido eleitos, Júnior Vaz e Fanganiello, receberam 20.854 e 10.517 votos, respectivamente.

    Atual presidente da mesa diretora da Câmara Municipal, Júnior Vaz afirmou que, apesar do “frio na barriga”, a eleição foi complicada e pontuada em extremismos, porém, benéfica.

    De acordo com o parlamentar, a vitória veio “no sentido de que a cidade visualizou que tem jeito. Caso una forças em um único propósito, poderá progredir”.

    Citando o empresário José Guilherme Negrão Peixoto (Guiga Peixoto), candidato tatuiano eleito ao cargo de deputado federal, Júnior Vaz declarou que faltara pouco para a cidade conseguir outra cadeira no Legislativo, com um deputado estadual do município.

    Publicidade
    EleService institucional
    Coplaspel
    Alessandra Bonilha, dra
    Sta Tereza institucional
    CVC
    Liderança Ferramentas

    “Infelizmente, foi por pouco. Recebi 20.854 votos, sendo 5.701 só em Tatuí. Mas, me sinto muito orgulhoso, muito orgulhoso”, assegurou.

    Questionado se voltará a se candidatar a deputado novamente, Júnior Vaz afirmou que a decisão não depende apenas dele, mas não descartou a possibilidade.

    “Se o grupo de campanha entender que a população está pedindo, o meu nome estará à disposição, se for necessário”, expôs.

    Conforme Júnior Vaz, a presença de um deputado tatuiano não reflete diretamente no andamento da Câmara Municipal, mas traz benefícios para a cidade.

    Para ele, a eleição de Guiga Peixoto abre portas de conversas em diversos ministérios federais e detém a possibilidade de envio de verbas, que poderiam agraciar o município com recursos provenientes do deputado federal.

    “Ele sendo tatuiano e ‘pé vermeio’, eu creio que vai encaminhar para a nossa cidade grandes montantes, e que nós seremos muito gratos pela vinda dessas verbas”, concluiu Júnior Vaz.

    Fanganiello também declarou ter encerrado a campanha de forma vitoriosa. Segundo ele, a primeira candidatura dele a deputado estadual foi praticamente focada na internet e na cidade de Tatuí.

    Fanganiello afirma que realizou uma campanha limpa (foto: Eduardo Domingues)

    Conforme o candidato, a campanha foi “limpa e realizada com pouco material, entre uma carta de apresentação e alguns cartões de propostas”.

    Afastado da Câmara Municipal desde julho para se dedicar à campanha, Fanganiello afirmou que conseguira cumprir o propósito de “trazer um novo modelo de política, sem fundo partidário e sem um real de recurso público”.

    O vereador, que deve voltar a exercer a função na próxima semana, mostrou-se satisfeito com a votação que recebeu. Fanganiello teve 10.517, sendo 4.630 no município.

    “Em 2016, tive 1.190 votos para vereador e, agora, multipliquei em dez vezes para deputado estadual. Então, fiquei feliz, sim”, finalizou.

    Publicidade
    EleService institucional
    Coplaspel
    Alessandra Bonilha, dra
    Sta Tereza institucional
    CVC
    Liderança Ferramentas

    DEIXE UM COMENTÁRIO

    entre com sua mensagem
    entre com seu nome