Notas policiais

0
1551
Publicidade
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
  • Fim de relacionamento gera ameaça e queixas na polícia

O fim do relacionamento entre um lavrador de 19 anos e uma mulher (de idade não informada) virou caso de polícia. O jovem sustenta, em boletim de ocorrência, ter sido vítima de lesão corporal. A agressão teria sido cometida no fim do mês passado, pelo ex-sogro, um homem também de idade não informada.

A vítima diz que teve uma desavença com o pai da ex no dia 23 de dezembro, por volta das 23h. Segundo o jovem, na ocasião, o homem teria tentado golpeá-lo com um facão. Em decorrência do fato, a ex-mulher também teria procurado a DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) para solicitar medida protetiva.

De acordo com o jovem, ela havia alegado que ele a ameaçara de morte, pedindo restrição de proximidade. O ex-marido informou que ficara determinado que ele não poderia chegar a menos de 300 metros dela. Entretanto, o jovem declarou que a mulher descumprira a ordem, indo até a casa dele.

Por orientação, o lavrador resolveu procurar a Polícia Civil para registrar o acontecido.


  • Funcionária municipal deve responder por furto de água

Uma funcionária pública municipal, de 63 anos, deverá responder por furto de água, conforme registro de ocorrência feito na Polícia Civil, na manhã de quarta-feira, 10. Ela é suspeita de ter instalado um equipamento chamado “by pass”, que desvia o curso do encanamento de água do hidrômetro.

Publicidade

A parafernália foi localizada por volta das 10h30, por dois prestadores de serviços da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo).

Os agentes operacionais, de 38 e 39 anos, contam que haviam ido até a casa dela, no centro, para proceder a troca de ramal da rede pública de abastecimento.

Durante a substituição, eles precisaram seguir a tubulação até o cavalete de entrada de água do imóvel. Quando concluíram a etapa, verificaram a adulteração.

Conforme os agentes, havia um desvio da tubulação, por baixo da terra, que desviava a água, vinda da rua, da passagem pelo hidrômetro. Este aparelho faz a medição do volume de água consumido, para determinar o valor da conta.

A suspeita foi levada ao plantão policial e liberada depois de prestar depoimento. Ela responderá em liberdade por “impossibilidade de autuação em flagrante”.

Conforme constado pelo delegado Franco Augusto Costa Ferreira, a suspeita vinha quitando as contas de água regularmente. Ele ainda determinou a apreensão do material recolhido e a realização de perícia técnica, uma vez que, ao cortar o sistema, os funcionários teriam prejudicado o local.


  • Confeiteiro tem a bicicleta levada do local de trabalho

No início da tarde de quarta-feira, 10, um confeiteiro de 22 anos teve uma bicicleta furtada. O veículo estava guardado no depósito do local de trabalho da vítima.

O jovem registrou o caso na Delegacia Central, por volta das 13h30, depois de ter sido informado por um colega de trabalho. Segundo ele, um vizinho do local, que fica no bairro São Judas Tadeu, disse ter visto um rapaz de camiseta amarela deixando o estabelecimento com a bicicleta.

A bicicleta, uma Schwinn, branca, com aro tamanho 29 e alguns riscos na roda dianteira, havia sido deixada pelo funcionário no depósito perto das 12h.


  • Menino de 13 anos é flagrado com crack e confessa tráfico

Guardas civis municipais apreenderam, na tarde de quarta-feira, 10, um menor de 13 anos por tráfico de drogas. Com ele, os GCMs apreenderam quatro pedras de crack e R$ 60 em notas. A equipe ainda recolheu mais 26 pedras da droga, deixadas pelo menor em um terreno perto de onde ele fora abordado.

O flagrante ocorreu às 16h48, na rua José Teixeira Barbosa, na vila Brasil. Conforme a GCM, o menino andava pelo local, perto da esquina com a rua José Marques Júnior, quando apresentou “atitudes suspeitas”. Os guardas relataram que o adolescente “mudou de comportamento e rapidamente saiu do local”.

Em abordagem, a equipe encontrou o dinheiro e quatro pedras de crack em um dos bolsos da bermuda dele. Os guardas ainda informaram que o menino confessara o tráfico de drogas durante a revista e que apontara o local onde guardava as outras 26 pedras da droga.

O entorpecente foi entregue ao plantão policial e o menor, levado ao Pronto-Socorro “Erasmo Peixoto”. Depois de passar por exame de corpo de delito, o menino foi enviado ao plantão policial, onde permaneceu à disposição da Vara da Infância e da Juventude.


  • Aro de roda atinge motorista na cabeça, provocando morte

Um motorista de 42 anos morreu, na noite de quarta-feira, 10, por conta de um acidente ocorrido na rodovia Presidente Castello Branco (SP-280). O aro de uma das rodas do caminhão que ele dirigia soltou-se durante uma vistoria, atingindo a cabeça dele.

Enrique Caballero Rodas teve o óbito confirmado às 2h49 de quinta-feira, 11, depois de ser internado. Ele dirigia uma carreta pela rodovia quando precisou parar, na altura do quilômetro 158, para verificar as rodas do veículo, por volta das 20h30.

Para checar as rodas, ele utilizou um martelo. Quando batia no aro de uma das rodas, o motorista foi atingido na cabeça pelo arco. A vítima recebeu socorro da equipe de resgate da concessionária CCR SPVias. Entretanto, não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Publicidade