Museu abre neste mês mostra de joias

Peças e desenhos são resultado de trabalho de Veridiana Pettinelli e G. Macedo

0
2162
Exposição trará coleção produzida a partir de desenhos de joias feitos por Veridiana Pettinelli em parceria com o primo Gabriel Macedo (foto: AI Prefeitura)
Publicidade
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

No próximo dia 19, uma sexta-feira, o MHPS (Museu Histórico “Paulo Setúbal”) realizará a abertura oficial da primeira exposição de 2018. “Mutações” terá apresentação ao público a partir das 19h. O evento tem entrada gratuita.

A mostra consiste em uma coleção de desenhos de joias desenhadas pela arquiteta e designer Veridiana Pettinelli. As peças foram produzidas em prata e ouro e com adição de diamantes e pedras naturais pelo ourives Gabriel Macedo.

Os dois se juntaram para uma parceria familiar em 2015, a partir de inspiração de Veridiana. Junto ao primo, Macedo, ela vislumbrou novo projeto de design.

A coleção teve como inspiração estudos desenvolvidos pela designer, com base em livros de botânica utilizados pelo pai dela, na faculdade de engenharia agronômica. Por meio de desenhos, Veridiana fez “cruzamentos genéticos” entre espécies que não têm cruzamento entre si. “E foi dessa maneira que surgiu o nome da coleção: Mutações”, revelou a arquiteta e designer.

Os cruzamentos entre bromélias e cactos, rosas e hortênsias, bambus e ipês transformaram-se em peças de prata e ouro. Ao todo, 18 joias únicas foram produzidas. Elas serão apresentadas em vários estados brasileiros e também no exterior.

Publicidade

No museu, Veridiana e Macedo apresentarão 18 fotos no tamanho 50 cm x 75 cm, seis quadros emoldurados em 50 cm x 60 cm, dois cadernos de estudo e peças feitas em prata. As joias serão apresentadas por mulheres convidadas.

Em nota enviada pela assessoria de comunicação da Prefeitura, a arquiteta explicou que as responsáveis pela exibição foram escolhidas pela “sensibilidade e destaque que exercem”.

“Elas transcrevem de maneira ímpar a força e a beleza da mulher brasileira, pois são ‘flores’ únicas e que, em forma de mutantes, fazem o papel de mãe, mulher, empresária, dentista, artista plástica, professora, bailarina, modelo, estudante, dona de casa, bancária, modelo, publicitária, arquiteta, estilista, filha, amiga, irmã, advogada e designer gráfica”, descreveu.

Conforme Veridiana, as mulheres que farão a apresentação das joias “têm o perfil ideal para levarem consigo e apresentarem algo forte e único, algo ‘mutado’”.

Com cunho cultural e social, a exposição terá parte da renda dos quadros que inspiraram a coleção revertida para duas entidades: a Instituição Internacional Médicos Sem Fronteiras e o Fusstat (Fundo Social de Solidariedade de Tatuí).

O público poderá visitar a exposição, gratuitamente, entre os dias 20 deste mês e 19 de fevereiro, de terça-feira a domingo, das 9h às 17h, no Espaço de Exposições Temporárias do museu. O endereço é a praça Manoel Guedes, 98.

Mais informações sobre a exposição e as visitações pelo telefone 3251-4969.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Publicidade