Monitores de creche atuarão 2h a menos por dia em 2018

    Expediente passará de 8h/dia para 6h/ com início em abril

    0
    1142
    Publicidade
    Alessandra Bonilha, dra
    Sta Tereza institucional
    Coplaspel
    EleService institucional
    Eletrofer
    Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

    Monitores de creches que atuam em unidades municipais terão expediente reduzido a partir do ano que vem. A Câmara Municipal aprovou projeto de lei, apresentado pelo Executivo, prevendo a redução da jornada diária de 8h para 6h. A alteração deve entrar em vigor a partir de abril do ano que vem.

    Ao todo, 596 pessoas concursadas na função – conforme levantamento feito pela reportagem na tarde de quinta-feira, 7, junto ao “Portal da Transparência” da municipalidade, mantido na internet – serão beneficiadas.

    Os monitores que atuam nas unidades de ensino infantil do município terão de cumprir horário menor, com carga semanal de 30 horas.

    De acordo com a matéria, para entrar em vigor, a lei precisa ser regulamentada por decreto. O dispositivo deverá ser publicado no prazo máximo de 60 dias, contados a partir da data de publicação da sanção da propositura.

    O assunto foi discutido e votado em primeiro e segundo turno, na noite de terça-feira, 5. Ele entrou na pauta de sessão extraordinária, convocada pelo presidente do Legislativo, Luís Donizetti Vaz Júnior (PSDB), após a ordinária.

    Publicidade
    EleService institucional
    Eletrofer
    Coplaspel
    Alessandra Bonilha, dra
    Sta Tereza institucional

    Como não constava na ordem do dia e a reunião seria a última do ano, o parlamentar solicitou aos demais edis que se reunissem na extraordinária. A matéria prevendo a redução da jornada de trabalho abriu as discussões.

    A matéria recebeu votos favoráveis, incluindo do vereador Rodolfo Hessel Fanganiello (PSB). No plenário, o parlamentar declarou ser favorável à redução da jornada e sugeriu à prefeita Maria José que ampliasse o benefício para todos os servidores da Educação.

    O projeto encaminhado à Câmara em 12 de junho foi aprovado com uma mensagem aditiva. Ela estipula alteração no artigo 3o da lei, indicando que a redução da jornada passará a valer a partir de 2 de abril do ano que vem, quando a Prefeitura pretende já ter contratado novos funcionários para completar o quadro.

    O projeto recebeu 15 votos favoráveis e uma abstenção, do vereador Alexandre de Jesus Bossolan (PSDB). Ele não participou por ser “parte interessada”. Bossolan é concursado pela Prefeitura no cargo de monitor de creche.

    Outros cinco vereadores se pronunciaram. Valdeci Antonio de Proença (Podemos), Antonio Marcos de Abreu (PR), Rodnei Rocha (PTB) e Eduardo Dade Sallum (PT) declararam voto favorável.

    Todos eles elogiaram a postura da prefeita, enfatizando que Maria José manteve a palavra dada aos funcionários públicos. Em campanha, a prefeita havia se comprometido com os servidores da categoria a reduzir a jornada.

    Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
    Publicidade
    Sta Tereza institucional
    Eletrofer
    EleService institucional
    Alessandra Bonilha, dra
    Coplaspel