Quarteto de cordas da República Tcheca se apresenta em Tatuí

0
244
Quarteto Epoque apresenta concerto especial com oito obras (crédito: Divulgação/Conservatório de Tatuí)
Publicidade

O salão “Villa-Lobos”, do Conservatório de Tatuí, recebe nesta quinta-feira, 16, o Quarteto Epoque, da República Tcheca. O conjunto formado pelos violinistas David Pokorný e Vladimír Klánský, o violista Vladimír Kroupa e o violoncelista Vít Petrášek apresenta concerto especial com entrada gratuita às 16h. A coordenação é das professoras Elen Ramos Pires e Míriam Braga.

O Quarteto Epoque estará em Tatuí, também, para um “master class” sobre música de câmara. A atividade acontece às 14h, também no salão “Villa-Lobos” e a entrada é gratuita.

No concerto especial das 16h, o Quarteto Epoque apresentará um repertório diferenciado. A abertura será com um compositor do mesmo país dos instrumentistas: Franz Xaver Richter, autor de “Adagio a fuga G moll”. Também da República Tcheca, Jan Kučera é o autor da obra “Zrození”, a segunda do programa.

Depois serão apresentadas as obras “Minor Swing”, do francês Django Reinhardt; “Skylife”, do norte-americano David Balakrishnan; e “Manhattan Island”, do polonês Mateusz Smoczynski.

O único compositor sul-americano do repertório é o argentino Astor Piazzolla. Dele, o quarteto de cordas interpretará as obras consagradas “Adios Nonino” e “Libertango”.

Publicidade

O encerramento do concerto especial será com a peça “Hora Martisolurui”, do compositor Ion Voicu, da Romênia.

Publicidade