Tatuí, 29 de Jun de 2017
Tatui
+18...+30° C
  • Flamengo em 1962
  • Cláudio Aldecir - em 23/09/2016 23:05:27

    foto: Arquivo Cláudio Aldecir

    Foi uma jornada desastrosa para o rubro-negro. Além de perder o campeonato para o Botafogo, houve o rompimento do meia Gerson com o treinador Flávio Costa. O treinador insistiu em escalar o habilidoso craque para marcar o hábil Garrincha, jogando improvisado na ponta-esquerda e auxiliando o lateral Jordan.

    Foi inútil, Garrincha fez 2 gols da vitória por 3 a 0, dando o título de bicampeão para o alvinegro, naquela tarde de 15 de dezembro de 1962, no Estádio do Maracanã.

    Em pé: Joubert, Fernando, Décio Crespo, Vanderley, Carlinhos e Jordan. Agachados: Espanhol, Nelsinho, Henrique Frade, Dida e Gerson.

    Meses depois, Gerson foi negociado com o Botafogo, em 1970, e em 1971 defendeu o São Paulo. Em 1973 voltou ao Rio de Janeiro para jogar no Fluminense.

    Esse grande craque, um dos responsáveis pela conquista do tricampeonato mundial em 1970 no México. Positivamente, não jogador para marcar ninguém. Ele era um exímio lançador e de uma visão de jogo incomum.


    NOTA: As fotos são do arquivo pessoal do autor, que data de 50 anos. Ele, como colecionador e historiador do futebol, mantém um acervo não somente de fotos, mas de figurinhas, álbuns, revistas, recortes e dados importantes e registros inéditos e curiosos do futebol, sem nenhuma relação como os sites que proliferam sobre o assunto na rede de computadores da atualidade